sábado, 23 de janeiro de 2016

Mas oi?

Acho que eu sou muito otária mesmo, hoje estava esperando numa pizzaria o meu pedido enquanto no telão passava um canal, e nele tinha uma mulher quase nua como apresentadora.
E sabe, eu comecei a reparar em todas as pessoas naquele lugar, nos seus namorados/maridos e namoradas/mulheres e como as pessoas se vestem.
Eu não sei se é por minha criação, mas se importar com o corpo dos outros e com o meu nunca foi requisito para ser preenchido. E percebi como a sociedade é idiota e como vendemos a imagens de nós mesmos.
Que merda, deveriam vender e estimular as pessoas a valorizarem o que temos por dentro! Isso me revoltou muito, por que hoje temos que simplesmente abaixar a cabeça e dizer "hora de tentar ficar gata/gato igual fulano(a)" e não devíamos fazer nada com nós mesmos para parecer com outra pessoa ou para ficar com um corpo x e y pq é considerado bonito.
Eu acho que sou muito careta por querer conhecer o íntimo das pessoas antes de saber sobre seus corpos. E isso as vezes parece ser uma luta contra todos, por que? Por que enquanto eu tento me acostumar com a ideia que está tudo ok e que não preciso sair por ai hiper produzida que vou ser aceita e tal, eu estou errada, se eu não colocar uma micro saia, um salto, uma maquiagem e o caralho a quatro, vou ser só uma "esquisita". E aquelas que responderem a todos esses quesitos vão passar por uma avaliação de homens e mulheres para dizer " nossa essa é para uma noite; nossa essa menina ta ridícula!; nossa que vadia ". E sinceramente, até que ponto vale a pena se importar com o físico de alguém? Sério, qual o sentido disso?!
Estou com uma luta séria para entender que as pessoas não precisam se importar com corpos. Ou por que isso tem que ser tão importante.

Nenhum comentário: