segunda-feira, 12 de julho de 2010

Apenas mais uma vez.

(Foto: M. Salete de Oliveira Cé)

Toronto, Canadá, 10 de Julho de 2010.

Querido Steve,

São tantas as noites que me pego pensando naquele teu toque, naquele teu olhar, naquelas noites incansáveis de conversas, e de amor. Quem diria que apenas uma conversa num bate-papo virtual me levaria até você, mesmo conheçendo parte da tua vida, sabendo que tem uma mulher, e dois filhos, não consigo parar de querer, estar ai do seu lado.
Só o fato de me tocar, tão delicadamente me deixa arrepiada, e agora o que eu mais quero é você. Por mais que eu diga, que estamos apenas pensando no sexo, e nada mais, eu tenho vontade, de olhar no fundo dos seus olhos, e revelar toda a paixão que guardo dentro do coração.
A partir de agora, você pode rasgar esta carta, nada do que eu te digo, para você parece real, eu sei que foram apenas 2 semanas, mas eu quero você aqui, se eu pudesse iria em sua casa, me ajoelharia, mas, eu tenho tanto medo da sua mulher, e da sua reação, mesmo você sendo tão fútil as vezes, eu amo você. Deixe-me viver um pouco mais desse amor, não me deixe sozinha, venha, me busque, vamos fugir, me leve para longe, eu quero mais uma noite com você, mesmo que pareça loucura, droga! Steve, olhe o que você fez comigo, uma prostituta, amando?.
Mesmo que eu quase não chore, essa é primeira vez, que eu desejo tanto um cliente, droga, um cliente não, um homem de verdade, um rapaz digno de tudo, mas, a sua familia, ahh, esqueça, deixe esta carta de lado, talvez seja so mais uma vontade de prostituta querendo largar o trabalho. Mas, eu sei que não é, isso é novo, e único, eu te quero, como nunca quiz, eu quero que venha, e me faça denovo, me conquiste da mesma forma, olhe nos meus olhos, me beije na chuva, transe comigo no quintal, vamos, rolar, vamos nos divertir, pelo menos mais uma vez, não me deixe aqui, pensando que era a última vez, eu sei que você gostou, e que quer mais um vez, eu estou disposta, à tudo mesmo, até, correr na chuva, e nadar na água gelada para te ter mais uma vez nos meus braços.
Eu sei que você vai voltar, e eu vou esperar por você. Entenda, que mesmo eu sendo o que eu sou, eu tenho sentimentos por você, e eu sei, que te amo, pode pensar o que quizer, mas eu sei o que estou dizendo. Não parta meu coração, e nem o da sua familía, mas venha, pelo menos mais uma vez, me faça feliz, denovo.

Beijos,
Susan Hardy.

4 comentários:

Gabe Candido disse...

Nossa, adorei.
O seu blog é muito bom, tô seguindo.

Bell . disse...

que lindo amor *-* estou lhe seguindo, ah se quiser dê uma passadinha em meu blog, http://bellelovelokinha.blogspot.com/fico grata desde já, lindo blog, parabéns!

Lií disse...

Que bom que gostaram ;D

Anônimo disse...

ameii vei