segunda-feira, 17 de maio de 2010

O maior pecado.

O maior pecado de todos, não é aquele que é mencionado nas escritas, das quais todos já cometeram. Quem nunca, cometeu um dos sete pecados capitais? quem nunca, comeu comida, sem dividir nada para alguém?. Quem nunca, sentio uma enorme vontade de fazer sexo, mesmo que fosse na frente de todo mundo?. Quem que nunca ficou com tanta ira, que não aguentou e brigou com todo mundo?. Quem nunca desejou algo que jamais lhe pertenceria?.
Mas o fato é, que talvez, esses não sejam verdadeiros pecados, pois, todos algum dia, já o cometeram ou já sintiram vontade de cometer.
Realmente, o verdadeiro pecado, seria, aquele que te impede de fazer realmente o que lhe dá vontade, aquele que não te deixa seguir um rumo, uma vida, dizendo que você nunca chegará aonde quer chegar, aquela vontade que te prende na cama, em casa, e te torna depressivo, aquele pecado, que só você pode entender, e que te come por dentro, como se fosse um animal, de tal fúria,
de te dar medo, que te impede, de colocar os pés no chão, para que suas vontades sejam lançadas para o alto, tornando tudo possivel e alcançável.
Mas, talvez, o verdadeiro pecado, seja aquele, de quem te impede, de ser feliz. Aquele, que destrói a felicidade dos outros, aquele que acaba com a vontade de viver, e de erguer a cabeça para dizer " estou bem".
É tudo tão improvável, e sem realismo, que nos perdemos nas nossas vontades, e os pecados, se tornaram algo tão comum; a fidelidade não existe mais, o amor e compaixão se perderam num caminho sem rumo; o gosto pelo corpo do próximo se tornou mais "cruel" e atingível; a vontade de doar algo se perdeo totalmente, pois, hoje, tudo com o que nos preocupanos, é com o dinheiro.
Sim, o dinheiro, aquele que "coloca" comida na sua casa, sim, o "maldito" dinheiro, que muitos não vivem sem.
E agora, o pecado maior, é a louca vontade por dinheiro, por poder, por riqueza, pois, as vontades já se perderam, e os desejos de viver algo intensamente, sumirão, por causa do dinheiro, que traz uma " felicidade" indiscutível,e sem moral, a "felicidade" que não dá vontade de viver.

4 comentários:

Ariane Yajima disse...

Legal o texto!!

*.*

e Blog legal tb!

PipoKita disse...

Pecados...tenso esse assunto...

Eu amo seu blog Lii s2

Arkk disse...

Ser humano sem pecado nao é nada...
Se nao tem coisas ruins como podemos ser tao certos das boas?
Mair qualidade dagente vem..quando ja temos um defeito bem chato!
E ate que alguns pecados sao meios deliciosos mesmos =xxxx
AUHAUHAHUA
=**
se cuide moça o/

Niko Travesso disse...

então o verdadeiro pekado seria o capitalismo?
hauuahu
gostei do texto: reflexivo e profundo!

http://nikomoska.blogspot.com