terça-feira, 2 de março de 2010

Liberdade



Eu cansei de ser aquela criança, que as pessoas olham, disfarçam e dizem coisas. Eu quero mudar, eu quero realizar os meus profundos desejos, eu quero fazer de tudo.
Eu vou sorrir, enquanto caminho na chuva, eu vou chorar enquanto vejo um sorriso seu. Eu vou aprender a dar valor às diversas coisas, mais primeiro, me deixa ser feliz, me deixa provar dos pecados, me deixa fazer tudo, me dá um pouco de liberdade, chega de regras, CHEGA!
Eu nunca me machuquei, por que você nunca deixou correr pela rua, eu nunca cai de bicicleta, por que você me aprisionou. Deixa-me agora, ser feliz.
Eu vou ser livre daqui para frente! Não quero viver mais á custas de palavras, dos mais variados poetas, que expressão os meus mais profundos sentimentos, eu quero, agora, vivenciá-los.

Nenhum comentário: